Alex + Ada – Jonathan Luna & Sara Vaughn

Alex + Ada é um quadrinho de Jonathan Luna e Sarah Vaughn, lançado em 2017 pelo selo Geektopia da editora Novo Século.

SOBRE A HISTÓRIA

Alex vive em um mundo futurista onde a robótica dominou o mundo. Ele está completando 27 anos e ainda não superou o fim do seu último relacionamento. Na data de seu aniversário, as notícias estão relembrando que há um ano houve o primeiro registro de um androide se tornando senciente na história.

Criado pela Nexaware , o modelo P-011 foi responsável por um massacre que mudou as leis que regem o seguimento, declarando a falência dessa empresa com o incidente e marcando a ascensão das Indústrias Prime. Agora, o modelo mais badalado do mercado são os X5, o mais perto do real que um androide pode chegar sem ir além dos limites das novas leis.

O que Alex menos quer é um ser mecânico assombrando sua vida, mas um presente inesperado de sua vó será o responsável por mudar todo o curso de sua vida e também a forma como ele enxerga os androides.

MINHA OPINIÃO

Eu tenho cada vez mais me interessado por ficção científica e os quadrinhos e mangás tem de certa forma funcionado muito bem no gênero pra mim. Dentro da mesma linha, mas indo longe em diferenças está Ghost in The Shell que em 2017 ganhou adaptação para o cinema e que vai ser uma das minhas próximas leituras. Alex + Ada é minha terceira leitura do selo Geektopia da Novo Século e posso afirmar a vocês que por enquanto o saldo é 100% positivo.

Diferente de The Wicked + The Divine que era super colorido, cheio de contraste e brincava muito com explosões de cor, Alex + Ada se desenvolve em um mundo sépia com tons pasteis amarronzados. Salvo raríssimos momentos onde o amarelo e o azul saltam aos olhos, como vocês podem ver a baixo, a HQ se mantém sóbria em suas cores. Pra saber se isso é um traço dos autores ou se é apenas parte do ato inicial da trama, ainda teremos que aguardar os próximos volumes.

A história tem apenas 128 páginas e é bastante introdutória. Confesso que quando cheguei ao final desejei que tivéssemos ido um pouco a frente, pois a sinopse oficial praticamente serve mais como um resumo do que como uma indicação de conteúdo. Sei que em HQs tudo é mais rápido, mas mesmo assim acho que poderíamos ter tido um pouco mais de história aqui.

Tendo em vista isso, acho que a forma como o protagonista lida com o conflito poderia ter se desenrolado melhor, já que me pareceu muito drástica sua mudança repentina. Alex, assim como tantos outros humanos, ficou extremamente receoso com a presença dos androides depois do massacre que ocorreu há um ano atrás. Apesar das novas leis impedirem que as indústrias desenvolvam as máquinas sencientes, o que ocorreu está gravado na mente das pessoas e junto com a memória o medo.

Ser presenteado com Ada não foi algo que ele desejou ou ficou feliz e fica bem claro o seu desconforto com relação aos androides em geral. Porém, Alex também se sente compelido a tentar entender melhor Ada. Por ele estar muito sozinho e ainda não ter superado o fim do seu relacionamento, ele acaba por ver ali uma oportunidade, por mais que isso o assuste. Entretanto, o androide sem desejos e opinião não é o que ele espera. É entendível a mudança, mas mesmo assim poderia ter sido mais sutil e melhor trabalhada.

Quando eu estava começando a ficar interessada no que estava acontecendo a HQ acabou, e essa é realmente a única grande ressalva que eu tenho com relação à história. A premissa é realmente interessante e logo de cara já nos conectamos com o protagonista e até mesmo com Ada. Eu ainda não sei bem pra onde essa trama vai caminhar, mas certamente há um amplo caminho aqui a ser explorado e eu quero saber onde isso vai dar assim que os próximos volumes sejam publicados no Brasil.

Alex + Ada é uma boa pedida em HQ para os fãs desse ramo da ficção científica que trabalha a inteligência artificial e as suas consequências para o ser humano, mundo e também máquina. Será que alcançaremos esse ponto em um futuro próximo? Será que estaremos vivos para vermos androides com estética humana andando entre nós, fazendo as mais diversas tarefas e até desenvolvendo consciência do mundo ao seu redor? A proposta de Luna e Vaughn é mais uma que se propões a discutir isso.

ALEX + ADA

Autor: Jonathan Luna e Sarah Vaughn

Editora: Geektopia

Ano de publicação: 2017

A última coisa no mundo que o jovem e solitário Alex poderia querer era um X5, a última palavra em androides realistas. Mas um inesperado presente de aniversário de sua avó faz Ada mergulhar em sua vida. Então ele descobre que ela é muito mais do que apenas um robô, levando-o a questionar tudo aquilo em que ele acredita.

É a criadora e autora do Resenhando Sonhos.
Gaúcha do interior do Rio Grande do Sul, hoje mora na capital Porto Alegre e quer conhecer o mundo.
Publicitária por formação, sonhadora por opção. É mal humorada e chata.