Mais Que Amigos – Lauren Layne

Mais Que Amigos é o primeiro livro da série Love Unepectedly, da autora Lauren Layne. A publicação é de 2018 pela Paralela.

 Sobre o Livro

Parker Blanton conheceu Ben Olsen na faculdade, e logo se tornaram amigos. Uma amizade daquele tipo que compartilha bons e maus momentos, que permanece firme e forte na dor e na alegria, e que se fortalece conforme os dias passam. Eles dividem o apartamento mesmo agora, após formados e seguindo carreiras distintas. Claro que eles dividem muito mais que o lar, afinal têm amigos em comum e um lista de supermercado compartilhada.

Parker tem um namorado há anos, enquanto Ben é aquele tipo de mulherengo que não repete a mesma ficante e que se utiliza do fato de dividir o apartamento com a amiga como ferramenta para se livrar das meninas na manhã seguinte. Ele não faz isso porque é mau, pelo contrário, ele simplesmente não quer lidar com corações despedaçados. É por isso que Ben fica sem saber exatamente o que fazer quando sua melhor amiga leva um tremendo fora, e decide que vai se tornar uma aproveitadora de sexo casual, assim como ele.

“A gente conseguiu contornar todos os clichês sobre homens e mulheres serem amigos, por que não superaria o clichê de que o sexo estraga a amizade?”

Ele sabe que Parker não é desse jeito, mas a apoia mesmo assim porque isso é o que os amigos fazem, certo? O que ele não esperava era que, ao se dar conta de que ir para a cama com estranhos pode ser muito constrangedor, Parker chegasse a conclusão de que deixar a amizade entre eles mais ‘colorida’ poderia ser a solução ideal para lidar com esse coração partido e seguir em frente. Eles já se conheciam bem o suficiente para pular as partes constrangedoras e ir diretamente para o que importava.


Minha Opinião

Eu me apaixonei primeiro pela capa, quando olhei e pensei que ali deveria ter uma história fofa, daquele tipo que a gente lê entre livros mais densos, quando precisa de uma dose extra de leveza para recarregar as energias e enfrentar a vida real. Daí li a sinopse, e lembrei que histórias entre melhores amigos até agora mais me agradaram do que decepcionaram. Quando comecei a ler e só parei quando terminei, percebi que esse livro foi um daqueles achados que a gente escolhe pelo feeling e não se arrepende de modo algum.

Desde o começo a autora deixa clara sua proposta, Parker e Ben são melhores amigos e dessa amizade algo mais surgiria. O que eu não esperava era me encantar tanto com a Parker, uma mulher sagaz, centrada, divertida e cheia de manias e regras que divertem o leitor de maneira inusitada. O que eu não imaginava era que me apaixonaria logo de cara por Ben. Não porque ele é fisicamente bonito, nem porque tem um humor que transita entre o irônico e o bobo, de maneira que arranca sempre um sorriso inesperado. Me apaixonei principalmente porque ele é um cara com o coração enorme, e um melhor amigo daqueles que eu daria tudo para ter pelo menos parecido. O casal tem uma química imensa desde o começo e confesso que fiquei com medo da autora estragar tudo quando os dois se envolvesse, felizmente isso não aconteceu.

A ideia inicial da Parker é que os dois fiquei íntimos para suprir uma seca que ela vive há meses. Se a gente para pra pensar, a ideia dela foi teoricamente brilhante, pois ir para a cama com o melhor amigo reduziria as possibilidades de perder tempo buscando alguém aceitável para fazer a mesma coisa, diminuiria as chances de se envolver com alguém que não fosse de confiança, e evitaria a necessidade de fazer uma caminhada da vergonha no dia seguinte ou de ter que arrumar desculpas para se livrar do boy caso as coisas não saíssem como o esperado. O que ela não esperava era que se apaixonaria por Ben… Justamente o que eles tinham combinado que não deixariam acontecer.

“Ben e eu em uma relação de desapego? Pois é. O apego decidiu dar as caras. E estou totalmente à mercê dele.”

É claro que falar que não haveria sentimentos confusos entre eles, e que o acordo acabaria assim que aparecesse a mínima chance da amizade ficar balançada, é algo muito mais fácil de falar do que de fazer. Principalmente quando Ben vai se dando conta de que já havia algo na amiga que lhe chamava a atenção… E que existia um motivo muito lógico para eles continuarem contrariando todas as expectativas e manterem uma relação totalmente platônica. Mas quando ela tira a roupa… Quando ela faz aquilo com o quadril ou quando ele sente o cheiro que ela tem atrás da orelha… Bom, as coisas mudam. E é divertidíssimo acompanhar um mulherengo que não pensava até então em relacionamentos mais sérios se dar conta que está apaixonado. E de quer ficar para sempre com essa mulher. Tudo isso embalado por I’ll Santd by You, do Pretenders. É brega. É lindo. E não há coração que resista.

“E seu medo bizarro de que seu pau caia se só transar com uma pessoa por mais de duas semanas? Ela pergunta baixinho. Sorrio. Bom, pelo menos vou estar com minha melhor amiga quando isso acontecer.”

É claro que precisa ter um pequeno drama para aumentar a tensão da narrativa, e encaminhar o leitor para aquele desfecho clichê que a gente já sabe, mas que espera ansiosamente. Felizmente a autora escolheu muito bem o tipo de situação que colocaria na história para gerar essa tensão, de modo que o livro se manteve leve e amorzinho do começo ao fim. Outro ponto que ganhou meu coração e me fez querer conhecer mais do trabalho da autora, foi o fato do romance estar presente do começo ao fim, da história ser sensual e fazer suspirar até o mais resistente coração, mas ainda assim não se apropriar de uma pegada mais hot para manter a atenção do leitor.

Portanto, se o que você busca é um romance gostoso, daqueles que daria uma ótima comédia romântica para assistir numa tarde chuvosa, que pode ser lido sem medo, que promete e entrega uma dose extra de doçura capaz de nos fazer devorar a história e finalizar o livro com um sorriso nos lábios, Mais que amigos é aquela dica camarada que precisa ser levada em consideração. Que merece passar na frente de todos os outros livros e furar a fila literária na cara dura simplesmente porque além de cumprir seu papel, supera todas as expectativas. Vale a pena. Vale muito a pena.

MAIS QUE AMIGOS

Autor: Lauren Layne

Editora: Paralela

Ano de publicação: 2018

Será que vale a pena arriscar uma grande amizade em troca de um amor inesquecível?
Aos vinte e dois anos, a jovem Parker Blanton leva a vida que sempre sonhou. Tem um namorado inteligente e responsável, um emprego promissor e a companhia de seu melhor amigo, Ben Olsen, com quem divide um lindo apartamento.
Parker e Ben são tão grudados que muita gente duvida que eles morem sob o mesmo teto sem nunca ter vivido um caso, mas eles não se importam com o que as pessoas pensam. Sabem que não foram feitos um para o outro — pelo menos não para se envolver.
Por isso, quando um acontecimento inesperado faz com que Parker se veja sem namorado e com o coração partido, ela sabe que pode contar com Ben para ajudá-la a sacudir a poeira e partir para outra. Afinal, ninguém seria mais ideal do que seu melhor amigo para lhe mostrar os prazeres da vida de solteiro… certo?
Mais que amigos é uma comédia romântica irresistível!

Uma leitora frenética e inquieta, apaixonada por histórias fantásticas e com uma tendência a se deliciar com romances água com açúcar. Viciada em fotografias e gatos, é uma apreciadora das pequenas coisas e costuma ver beleza até onde não há.