Maldosas – Sara Shepard

Maldosas é o primeiro livro da série de livros Pretty Little Liars, escrito pela autora americana Sara Shepard, e lançado aqui no Brasil em 2010 pela editora Rocco.

1

SOBRE O LIVRO

A gigantesca história do mundo de Pretty Little Liars começa quando conhecemos as cinco melhores amigas: Alison, Aria, Emily, Hanna e Spencer. Elas são as garotas mais populares do colégio da pequena cidade de Rosewood. Alison Dilaurentis é a líder desse grupo, e apesar de ter um rostinho angelical, ela não era uma garota muito legal. Muito manipuladora e mentirosa, consegue fazer com que todos queiram ser ela, ou queriam andar com ela. Para as quatro melhores amigas de Alison, era uma honra fazer parte de seu círculo de amizades, e isso as deixavam cegas diante de sua verdadeira personalidade.

Durante uma noite, que era pra ser apenas mais uma festa de pijama das quatro amigas antes do começo das aulas da oitava série, um grande mistério acontece. Alison desaparece absolutamente do nada, sem deixar rastros, ou algum bilhete. Depois disso, três anos se passam. Três anos que fizeram as quatro amigas se separarem e cada uma tomar um rumo diferente na vida. Quando elas pensam que os únicos problemas de suas vidas eram as pressões dos familiares, segredos e paixonites adolescentes, alguém começa enviar mensagens com segredos delas que só Alison sabia, e pra piorar, essa pessoa se denomina de “-A”

“Eu ainda estou aqui, suas vacas. E eu sei de tudo. — A.”

Bem assustadas com o que está acontecendo, Aria, Emily, Hanna e Spencer começam a se reaproximar aos poucos, para que juntas elas possam descobrir quem é esse tal de “-A”. Afinal, quem poderia saber dessas coisas que apenas Alison sabia? Será que Alison está de volta?

MINHA OPINIÃO

Após terminar a série de tv eu me senti carente de Pretty Little Liars e resolvi começar a ler os livros. Apesar das inúmeras diferenças que existem, eu eu peguei Maldosas e não me arrependo nem um pouco. Começando pela capa, super chamativa que possui uma boneca clássica dos livros da saga. Adorei a escrita da Sara, flui bem e é narrado em terceira pessoa, mas cada capítulo fala sobre uma personagem específica. O que mais me incomodou foi as folhas brancas, mas a fonte é de um tamanho bom para a leitura, e os capítulos são curtos.

resenha1

Por ser uma grande fã da série, eu sempre tive um pouco de receio de ler os livros, mas a curiosidade foi maior que tudo. E percebi que a primeira temporada capita bem do que é esse livro. Nele, Alison é bem mais má e cretina, daquele tipo de garota que agora está sorrindo e te cumprimentando, mas ao virar de costas está te xingando e humilhando para as outras pessoas. Eu particularmente não gosto de seu jeito na série, e no livro só piorou. Com sua forte personalidade de mandona, mimada e egocêntrica, ela deseja que tudo seja como ela quer, e adora humilhar as pessoas, inclusive, suas melhores amigas.

Já as outras meninas são bem parecidas com a versão apresentada no seriado. Aria é meiga, muito romântica e acabou de voltar para Rosewood, após morar um tempo em outro País. Um de seus segredos envolve sua família e isso à deixa bastante preocupada com as mensagens de -A, pois ela sabe que se ele vir à tona, poderá destruir tudo. E sua vida só se enrola mais quando ela conhece um rapaz, e o que era apenas pra ser um encontro, acaba se tornando algo muito mais sério. Hanna que antes era a gordinha do grupo, a mais humilhada por Alison, deu a volta por cima e se tornou a garota mais popular do colégio após o sumiço de Ali. Ela e a ex-nerd Mona, que também era humilhada por Ali, se tornam melhores amigas e aprontam várias coisas na pequena cidade de Rosewood. Mas nem tudo na vida de Hanna são flores, com a recém separação dos pais, a garota começa a ter problemas grandes para lidar, e -A à ameaça usando coisas que podem colocá-la em maus lençóis. Spencer é muito inteligente e rica, mas sempre é colocada em segundo plano por causa de sua irmã Melissa. Ambas travam uma verdadeira guerra na casa dos Hastings. Já Emily Fields é a esportista do grupo, é bastante emotiva e enfrenta alguns problemas em casa, pois sua família é considerada “conservadora”.

Um outro fato sobre diferenças entre livros x série é a característica física de cada uma das liars: Hanna é descrita como ruiva, com seu cabelo castanho avermelhado, e olhos castanho esverdeado. Spencer deveria ter os cabelos num tom castanho claro, quase loiro. Emily tem cabelos loiros que costumam esverdear por causa da água da piscina e sardas. Enquanto Aria tem olhos azuis e é alta.

Eu não consigo entender como as meninas conseguem ser amigas de Alison. Ela as humilhava constantemente, e eram coisas muito sérias. Queria poder entrar no livro e falar umas verdades para todas. Porém, diferente da série, elas não se falam durante o livro, e só vão se encontrar mesmo nos últimos capítulos. E, a cada capítulo, novas informações e alguns segredos delas são revelados para nós leitores. Afinal, qual o segredo de Spencer? E o que Emily fará diante suas indecisões? É isso que me fazia ler mais um capítulo, quando já eram mais de 3 da madrugada.

“Cobiça não é fácil. Quando alguém inveja alguma coisa, a deseja e fica ávido por ela. Geralmente é algo que não se pode ter. Mas você sempre teve esse problema, não é? -A.”

É interessante ver o desenvolvimentos dos problemas familiares que cada uma tem. Traição, divorcio, pais que se preocupam mais com o trabalho do que com a família, e uma mãe preconceituosa são só alguns dos temas polêmicos que a Sara aborda. Tem também paixões adolescentes, auto descoberta e drogas.

Porém, a grande diferença desse livro para outros livros do gênero é o vilão ou ou vilã: -A! Ao mesmo tempo que parece ser alguém próximo a elas, pode ser alguém que nem conhecem, ou pode ser até uma das próprias garotas. -A usa de várias artimanhas para deixar seus assombrosos recados, tanto SMS, e-mail, e recados escritos em bilhetes. E o curioso é que Alison assinava como -A em suas mensagens antes de desaparecer. Como será que seu provável assassino descobriu esses segredos? Ou será que -A continua sendo Ali?

A série possui dezesseis livros publicados nos Estados Unidos e quinte lançados no Brasil, mais dois extras. Dão eles: Maldosas, Impecáveis, Perfeitas, Inacreditáveis, Os segredos mais secretos das pretty little liars – que é um livro extra -, Perversas, Destruidoras, Impiedosas, Perigosas, Traiçoeiras, Implacáveis, Estonteantes, Devastadoras, Arrasadoras, Letais, Venenoras e Vicious ,que ainda não tem um título traduzido. Há também um livreto de dez páginas chamado: O Diário de Alison Dilaurentis.

No final do livro, quando as garotas finalmente se encontram e compartilham de suas vidas, acontece uma grande reviravolta e a trama se encerra com chave de ouro. Sara nos deixa acreditar fielmente em uma coisa, e no final vai lá e esfrega na nossa cara como estávamos errados. E eu adoro a relação mocinhas/vilãs que as personagens têm. Elas são mocinhas, mas com uma pitada de maldade, afinal, todas apoiavam Alison e as coisas que ela fazia. Foi muito bom para mim, como fã da série, ler a riqueza de detalhes que tem no livro e conhecer outros aspectos sobre as mesmas personagens. Espero conseguir ler os outros títulos da série, pois os segredos das pretty little liars não param por aí.

MALDOSAS

Autor: Sara Shepard

Editora: Rocco

Ano de publicação: 2010

Pretty Little Liars fala sobre a vida de quatro garotas — Spencer, Hanna, Aria e Emily — que acabam se “separando” depois do sumiço de sua líder, Alison. Três anos depois, elas começam a receber mensagens de texto e alguém que está assinando como “A” e ameaça a expor seus segredos — incluindo os mais secretos que elas achavam que somente Alison sabia.

É resenhista do Resenhando Sonhos.
Nascida no interior Paulista, futura cientista da computação, se apaixonou por literatura quando conheceu o bruxo Harry Potter e o vampiro Edward Cullen. Adora ir no cinema e assistir séries em dias chuvosos.