fbpx

#medo31: The Black Hole (2008)

The Black Hole é um curta metragem com direção de Phil Sampson e Olly Williams e foi lançado em 2008.

Aqui temos um homem entediado e sozinho em seu ambiente de trabalho. Com os ares de um escritório, ele tenta fazer cópias na impressora, quando é surpreendido pela impressão de algo que não solicitou: um circulo preenchido de preto. Ao largar a folha e pôr seu copo de café em cima, percebe que ele ultrapassa através da folha sem que nenhum rasgo seja feito. Intrigado com isso, o homem começa a explorar as possibilidades.

Com uma ambientação mais antiga devido a época em que o curta foi gravado, andamos por um cenário bem limitado, sendo toda em tons frios e cinzas. Com 2 minutos e 48 segundos, o que parece pouco tempo, mas não é, temos uma história que é assustadora não pelo sobrenatural, mas sim pelo quanto a ganância é capaz de direcionar os atos de uma pessoa. Com um personagem só em cena, o homem no escritório tem todo o tempo do curta para ir do tédio à euforia.

Quando comecei a assistir, realmente não era isso que eu esperava. Porém, ao terminar, percebi o quanto coisas assim podem ser ainda mais assustadoras do que um espírito ou uma porta que bate. A natureza humana é uma coisa sombria e quanto mais nos tornamos suscetíveis ao mal, mais descobrimos o quanto isso nos muda. Aqui, a ganância vence o bom senso e, claro, temos consequência. Então, se você é daqueles que não assiste filmes de terror por medo de sustos, pode ir tranquilo aqui, porque o propósito da produção é outro.

Assistiu? O que achou?

 

É a criadora e autora do Resenhando Sonhos.
Gaúcha do interior do Rio Grande do Sul, hoje mora na capital Porto Alegre e quer conhecer o mundo.
Publicitária por formação, sonhadora por opção. É mal humorada e chata.