#Medo31: The Little Witch (2013)

O curta The Little Witch foi lançado em 2013 e tem direção de Alasdair McBroom.

Apesar do ar misterioso da primeira cena, começamos acompanhamos tudo que teria para ser um filme familiar, ou até um comercial de margarina, mais que uma história de terror: pai e filha correm pelo jardim, sorrindo, felizes, em um ambiente ensolarado onde não parece haver possibilidade de mal.

O curta é muito bem executado e nos faz ficar até o último segundo, dos seus poucos mais de dois minutos, aguardando o momento em que toda aquela luz e felicidade vai mostrar-se sombria e digna de terror. A direção como um todo, mas, em especial, o movimento de câmera, funciona muito bem, levando o espectador a essa sensação de suspense, de que a qualquer momento vai acontecer alguma coisa.

Eu gostei bastante da forma como a narrativa foi construída e gostei mais ainda dela apresentar um final aberto. Acho que não chega a dar tempo de sentir medo, mas nos deixa pensando sobre o que poderia acontecer em seguida e até mesmo refletindo sobre o que entendemos por “monstro”.

Escritora, mestre em Filosofia, mas, acima de tudo, apaixonada por livros. Carioca com preguiça de praia, gosta mesmo de uma tarde aconchegante na companhia de um livro e uma caneca de chá gigantesca.