As 12 melhores aberturas de séries

Já disse várias vezes por aqui que assisto a muitos seriados e eles são uma das minha paixões. Além de indicá-las, em alguns posts, resolvi listas algumas das melhores aberturas de séries, do meu ponto de vista. Da mais simples, a mais complexa, há algumas que dá gosto de ver, e o tempo nunca é perdido.
 
divisoria

Pra começar, ninguém menos que o eterno e odiado Dr. House. A série (todo mundo conhece né? pelamordedeus) já foi finalizada e deixou saudades. Com uma abertura simples e trilha instrumental essa é uma das minha preferidas.

Da Vinci’s Demons é uma série que retrata a vida de Leonardo Da Vinci e seus feitos, como muita fantasia e inteligência. A abertura não poderia ser diferente e é muito bem trabalhada em todos os aspectos. Acredito que ela contemple logo na abertura a complexidade da série.
 

 
Outra abertura super bem construída é de True Detective. Ela é uma abertura mais sombria, porém ainda bastante complexa pela composição e ordem das cenas, trazendo a essência da série. Faz pouco tempo que comecei a assistir e ainda não terminei a primeira temporada, porém só ouvi elogios. E acho que só o pesado nome do Matthew McConaughey ao lado da poderosíssima HBO já é suficiente para despertar a curiosidade.
 

 
Falando em HBO, não posso deixar de lado Game of Thrones, a maior produção da emissora e, provavelmente, seu maior sucesso também. Além de todo o capricho na composição de cada aspecto nos episódios, as aberturas são sempre impecáveis também. Aberturas? Sim, cada episódios possui uma abertura diferenciada por onde temos uma visão dos lugares que serão mostrados durante o episódio em questão, portanto, as coisas mudam de um para outro.
Essa é a abertura oficial, exibida no início da primeira temporada.
 

 

Ainda na HBO, a amada e odiada True Blood, agora em sua temporada final. A abertura apresenta uma série de imagens fortes que envolvem sexo, religião e violência e para muitos é até um pouco chocante, e o objetivo era esse, trazer imagens contraditórias sobre fanatismo, contrapondo a visão do real pelo sobrenatural. No início ela me causava incomodo, mas depois acabei me fascinando por ela. A música ajuda bastante (Bad Things – Jace Everett). I Wanna do bad things with you.

No ritmo das aberturas perturbadoras, acho que ninguém ganha de American Horror History. Todas as aberturas são ótimas, e acho que a série dispensa apresentações. Na sequência as duas últimas temporadas: Asylum e Coven.
 

 

 
Em The Walking Dead, o que faz a mágica na abertura é a trilha, que dá o tom de tensão. A abertura mudou um pouco a cada temporada, já que muitos personagens são mortos de uma para a outra.
 

 

A novata Reign também entrou na minha lista. Acho super bonita a composição das imagens e apesar de haver duas versões, a com narração e a sem, eu prefiro a sem. Somente a trilha e as imagens fazem o trabalho perfeitamente.
 

 
O Netflix chegou com tudo na sua produção independente de séries e, assim como qualquer outra emissora de alto padrão tem caprichado bastante tanto nos episódios, como nas aberturas. Vou citar House of Cards, com uma abertura sóbria, porém bem construída, e Orange is the New Black, completamente oposta em tema, e que trás uma abertura mais descontraída. A ideia dos rostos mudando me agrada bastante e a música é perfeita pra sair cantando junto.
 

 

 

Para se juntar a House na categoria já finalizadas, o nosso mais querido serial killer Dexter e a controversa e aclamada pelos fãs, Fringe.

 

 

Pra finalizar, a abertura bonus, The Simpsons. O mais legal sobre quem cuida das aberturas dos Simpsons é que eles sempre se preocupam em incorporar temas interessantes e até parodiar algumas séries e acontecimentos, como acontece na apresentada no vídeo.

E por enquanto é só, provavelmente daqui a algum tempo essa lista vai ter que ser refeita, ou ganhar mais opções, já que a cada ano novas séries surgem e a abertura agora é parte super importante na composição final da obra.

É a criadora e autora do Resenhando Sonhos.
Gaúcha do interior do Rio Grande do Sul, hoje mora na capital Porto Alegre e quer conhecer o mundo.
Publicitária por formação, sonhadora por opção. É mal humorada e chata.

  • mariabramo

    as minhas aberturas preferidas, de todas essas q vc citou, com certeza são:
    – game of thrones
    – simpsons

    bjinhus :)

    http://www.marianacruz.com.br

  • Adoreeeei esse post! Fiquei mais contente em ver minhas séries preferidas aí nesse mix de aberturas.

    ahazô. bêjo.

  • Eu gosto tanto da abertura do Dr. House que tenho ela salva no celular rsrs

    http://www.saidaminhalente.com

  • Reinaldo José Nunes

    Fringe e Da Vinci’s Demons ♥