Lançado em 2021 pela Amazon Prime Video, Cinderela é uma comédia romântica musical que faz uma releitura do clássico conto de fadas. Tem na direção a assinatura de Kay Cannon e no elenco a estreia da cantora Camila Cabello como atriz principal no papel de Ella, bem como Billy Porter como a Fada Madrinha, Idina Menzel como a Madrasta e Nicholas Galitzine como o Príncipe. Além disso, estão no elenco nomes como Minnie Driver, James Corden e Pierce Brosnan.

Visando ser uma releitura musical moderna, Cinderela conta a história de Ella, uma jovem com sonho de ser uma estilista famosa, mas que por viver em um reino com limitações jurídicas que a impedem mulheres de montar seu próprio negócio, acaba ouvindo de suas irmãs e madrastas que ela precisa se conformar com a perspectiva do casamento para salvar a família da falência. Na outra ponta da história acompanhamos o Príncipe Robert, que pressionado pelo pai para casar-se e assim poder assumir em breve a coroa como rei, acaba tendo que ceder a montagem de um baile para que nele encontre uma noiva. É em meio a diferentes números musicais, alguns originais e outros covers de clássicos dos anos 80 e 90, bem como hits dos anos 2000 e 2010 que a trama vai mostrar o encontro entre Ella e Robert e a luta de ambos para conquistar aquilo que sempre sonharam: autonomia.


Surpreendentemente divertido, Cinderela foi uma grata surpresa dos lançamentos recentes do Prime Video. Confesso que tinha expectativas bem baixas em relação ao filme, não tinha muita fé na dinâmica do roteiro e no fim acabei encontrando um ótimo filme para ver em família e perfeito para se distrair em dias que o entretenimento pede uma leveza. Com toda certeza o filme não é a melhor obra do audiovisual de todos os tempos, mas ele também nunca prometeu que seria isso e, dentro do que foi prometido, o filme entrega ótimos números musicais e uma história já conhecida agora relida de forma mais leve e com atualizações que propõem adaptações mais modernas do conto original.

Talvez esse detalhe da releitura incomode algumas pessoas, por isso é importante ir pro filme sabendo que ele vai readaptar personagens e tramar ao seu modo: a madrasta não é tão má quanto a original e simpatizamos com ela tanto quanto com as irmãs de Ella; o príncipe tem uma família e sua irmã é uma personagem divertida de acompanhar, os ratinhos são companhias engraçadas ao invés de presenças fofinhas e o discurso do filme tem sim uma mensagem em prol de um final feliz alternativo, algo que para alguns pode ficar fora do tom, mas o filme deu todos os elementos para que esse desenvolvimento  acontecesse, então dentro da trama faz sentido e condiz com a proposta da história.

Além disso, o filme tem um bom timing humorístico, Camila Cabello surpreende no tom de comédia e entrega uma atuação bem satisfatória e perfeita para os momentos cômicos e musicais, Menzel é uma excelente madrasta e junto com o resto do elenco temos covers muito bons. Em especial, destaco o cover de Material Girl, um dos melhores do filme e colocado na voz de Menzel de maneira primorosa. O trio de ratinhos também é um ótimo ponto do filme e conduz a momentos bem engraçados.

A nova proposta rende bons momentos dos personagens, todo o tom do filme é perfeito para atrair o público mais jovem e as músicas originais também são ótimas. Em suma, Cinderela é um filme perfeito para ver em família e com crianças, também sendo recomendado para aqueles dias que você só precisa relaxar e ver algo divertido na televisão

CINDERELA

Diretor: Kay Cannon

Elenco: Camila Cabello, Idina Menzel, Minnie Driver, James Corden, Nicholas Galitzine, Billy Potter, Pierce Brosnan

Ano de lançamento: 2021

Na nova e ousada abordagem musical da história tradicional que o público conhece, Cinderela (Camila Cabello) é uma jovem ambiciosa cujos sonhos são maiores do que o seu mundo permite. Entretanto, com a ajuda de seu Fado Madrinho (Billy Porter) ela é capaz de perseverar e realizar seus sonhos.

Relacionados

Destaques

Insta
gram

Parceiros