O Melhor da Amizade é um suspense familiar escrito por Lucinda Berry e publicado no Brasil, em 2023, pela editora Faro.

Foto da capa de O Melhor da Amizade

Sobre o livro

Lindsey, Kendra e Dani são três melhores amigas que moram em um bairro de classe média alta. Elas se conhecem desde o ensino fundamental, e seus três filhos adolescentes – Jacob (filho de Lindsey), Sawyer (filho de Kendra) e Caleb (filho de Dani) também são amigos. 

Kendra e seu marido, Paul, estão tentando ter um encontro noturno com Sawyer fora de casa (embora seu filho de 14 anos, Reese, esteja no andar de cima), quando ouvem tiros em sua vizinhança. Kendra corre para fora para verificar se Sawyer e seus amigos estão bem, e ela percebe que a polícia e a ambulância estão na casa de Dani. Ela grita para entrar, mas os policiais negam sua entrada, avisando que ninguém pode entrar até que o legista chegue.

“Quero que o mundo pare. Que cada um ao meu redor fique estático. Que as telas parem de piscar e os zumbis deixem de andar tão devagar pelas ruas a ponto de quase serem atropelados por carros.” 

Logo descobrimos que um dos meninos morreu antes que a ajuda médica chegasse, outro está em coma sendo mantido por aparelhos, e o terceiro está traumatizado demais para falar. Enquanto as três mulheres lidam com as consequências devastadoras desse tiroteio, elas ficam apenas com perguntas e sem respostas sobre o que aconteceu naquela noite. Quem puxou o gatilho e por quê? Houve um atirador, foi um assassinato-suicídio ou um acidente horrível? A única testemunha não pode (ou não quer) falar, e os detetives estão apenas no início de sua intensa investigação.


Minha opinião

O Melhor da Amizade  lembra que a tragédia pode acontecer a qualquer momento, não importa o quão perfeita uma família pareça ser. Você conhece o “final” no começo do livro, só não sabe porque aconteceu

Detalhes do livro O Melhor da Amizade

São famílias de classe média-alta, morando em um bairro muito agradável, criando três meninos brancos que são atletas famosos em sua escola secundária local. Dois deles – Jacob e Sawyer – apareceram em artigos de notícias locais e ganharam bolsas de estudo para atletas na faculdade. Quando questionados pela polícia sobre o que eles acham do comportamento de seus filhos antes do tiroteio, todos rapidamente negam qualquer discussão, qualquer depressão e – no caso dos pais de Caleb, quando confrontados diretamente com relatórios escolares – quaisquer problemas de raiva e explosões. 

No início foi um pouco difícil para mim manter os personagens separados – suas famílias são todas tão parecidas e as narradores tão intercambiáveis ​​que tive que anotar os nomes e quem era filho de quem. Mas, recorrendo a esse artifício, logo eu tracei a árvore genealógica dessas três famílias e consegui acompahar a história.

“Incidente? É assim que ele está chamando? Um dos melhores amigos do Caleb morreu e o outro está em coma. Tivemos que conviver com o contorno dos seus corpos na nossa sala de estar. A vida do Caleb nunca mais será a mesma. Nunca.” 

De acordo com suas biografias Goodreads e Amazon, Lucinda Berry é ex-psicóloga clínica e pesquisadora líder em traumas infantis, e ela aplica sua formação para escrever romances que investigam as muitas facetas da psique humana. Seu retrato das lutas que levaram ao que aconteceu com esses três garotos é intrigante. Vemos a proximidade de seus relacionamentos e as emoções cruas que eles estavam experimentando até o incidente, o que ajuda o leitor a entender, ainda que parcialmente, suas motivações em relação ao que aconteceu.

Dedicatória do livro O Melhor da Amizade

O sobrevivente não é a única pessoa com segredos neste grupo. À medida que esses segredos são revelados e a investigação expõe ainda mais surpresas para as famílias, vemos o que acontece quando as amizades de infância enfrentam o teste final de traição, paixão e assassinato. As verdades se revelam no final, e as mulheres e suas famílias são deixadas para juntar os cacos e determinar como seguir em frente com suas vidas.

“Bryan nunca bateu em mim ou nas crianças. Kendra e Lindsay nao acreditam quando digo isso a elas, mas é verdade. Ele me disse uma vez que eu era bonita demais para apanhar. Na época, me senti lisonjeada, como se fosse melhor do que outras mulheres abusadas de alguma forma. “

Em suma, o livro pode ser uma leitura rápida e envolvente, se você for capaz de desligar sua mente e não pensar muito sobre o quão sem noção e cegos esses pais acabam sendo. Eu definitivamente me emocionei em alguns pontos, o que considero um sinal de que foi um bom livro. 

Recomendo O Melhor da Amizade para quem gosta de suspenses familiares, como é o caso de Pequenos Incêndios por toda parte que também tem vídeo no canal do Resenhando Sonhos.

O MELHOR DA AMIZADE

Autor: Lucinda Berry

Tradução: Alda Lima

Editora: Faro

Ano de publicação: 2023

Lindsey, Kendra e Dani são grandes amigas, mas enfrentam o maior pesadelo de todos os pais quando um trágico acidente atinge seus filhos, dei¬xando um morto, outro em coma e o terceiro traumatizado demais para falar. Tentando lidar com a pior noite de suas vidas, as três mães decidem investigar os eventos para entender o que de fato ocorreu. Como algo tão horrível pôde acontecer naquele lugar seguro, tranqui¬lo, onde pensaram que seus filhos estariam sempre protegidos? Então elas descobrem que o acidente era apenas um fio solto. Ao pu¬xá-lo, muitas verdades vão sendo reveladas. À medida em que mais segre¬dos vêm à tona, uma névoa de dúvidas e suspeitas ameaçam envenenar suas famílias. E a amizade vai se deteriorando quando uma mãe decide ir a fundo enquanto as outras consideram essa investigação dolorosa demais.

Relacionados

Destaques

Insta
gram

[jr_instagram id='3']

Parceiros