Atenção!

O livro possui cenas violentas e aborda temas como violência doméstica.

Um Refúgio nas Montanhas é o segundo romance da série Virgin River, escrita pela autora Robyn Carr e publicado pela Editora Harlequin Books em outubro de 2020.

Sobre o livro

John Middleton é um homem solitário e de poucas palavras.. Após sair do serviço militar, John assumiu a função de cozinheiro no bar de seu amigo, Jack. Preacher é o apelido dado pelos amigos durante o período que serviu. O comportamento comportado e rígido de Preacher despertou o interesse dos amigos que não conseguiam acreditar que o homenzarrão parecia mais um padre que um fuzileiro.

(…) enquanto estiver sendo cuidada por Preacher, ninguém pode machucar você.

Paige Lassiter precisou fugir com o filho para não ser assassinada pelo marido violento. Sem apoio da família ou amigos, ela foge com intuito de assumir outra identidade, mas acaba se perdendo nas montanhas em uma noite chuvosa.

A última coisa que John esperava era que uma desconhecida aparecesse no meio de uma tempestade com uma criança nos braços, mas o taciturno cozinheiro acaba oferecendo abrigo para os recém chegados. Quem diria que um homem tão endurecido, amoleceria tão facilmente.


Minha opinião

Um Refúgio nas Montanhas é o segundo livro que leio da autora e confesso que foi tão bom quanto o primeiro. Robyn Carr conseguiu costurar bem os personagens antigos com os novos e tentou deixar o enredo o mais redondo possível para os próximos livros da série.

Robyn Carr conseguiu trazer profundidade aos personagens com diversas camadas que vão sendo removidas aos poucos. A autora se empenhou em mostrar o relacionamento tumultuoso e tóxico de Paige com o marido, desde o início da relação. Assim, conseguimos fazer uma comparação entre a relação pretérita e a que Paige terá com John.

A relação que nasce entre John e Paige é linda. Apesar de não ser crível de tão perfeita, é muito bonita de se acompanhar. A amizade, companheirismo e cumplicidade são tocantes, justamente, por sabermos tudo que a Paige já sofreu. O zelo que John tem com Paige e o pequeno Chris deixa qualquer coração aquecido.

Debaixo da aba do boné, Preacher viu uma mulher bonita que ostentava um hematoma na bochecha e um corte no lábio inferior.

John oferece tudo o que pode para ajudar Paige a sair do relacionamento abusivo, como um lugar para se abrigar, segurança, rede de apoio e independência financeira. Achei muito interessante como a Autora deixa claro a necessidade de oferecer apoio para que mulheres que sofrem violência doméstica, efetivamente, possam deixar essa triste realidade.

Outra coisa que me surpreendeu foram as cenas de agressão que a mocinha sofre. Sinceramente, eu não esperava que essas cenas fossem narradas no livro, pois imaginava uma história mais açucarada como o primeiro livro. .

Uma menção honrosa para Chris, o filho de Paige. A amizade que a Autora cria entre John e Christopher é muito fofa. Impossível não se encantar, espero que ela introduza mais crianças nas próximas histórias, Virgin River carece de crianças.

O coração que ele tem… É tão grande. Tão grande quanto ele.

Em resumo, foi um livro que conseguiu me surpreender. Apesar de um pouco exagerado e irrealista é um enredo muito interessante com personagens “maduros” que se apaixonam não pela beleza do parceiro, mas pela essência e pelas atitudes. Pessoas comuns que trabalham para sobreviver e que têm medos e traumas como quase todo ser humano. Pessoas que erram e se esforçam para reparar seus erros e serem felizes sem idealizar a felicidade ou condicioná-la a bens materiais.

É impossível não recomendar o livro, espero que os próximos da série sejam tão bons quanto os primeiros.

UM REFÚGIO NAS MONTANHAS

Autor: Robyn Carr

Tradução: Nathalia Klussmann

Editora: Harlequin

Ano de publicação: 2020

Pela segunda vez em um ano, uma mulher chega a Virgin River tentando escapar de seu passado. Numa noite chuvosa de outubro, John “Preacher” Middleton está prestes a fechar o bar quando uma mulher e seu filho de 3 anos aparecem buscando abrigo. Como um fuzileiro que já vivenciou sua cota de dor e sofrimento, Preacher percebe que Paige Lassiter passou por maus bocados, e seu instinto protetor imediatamente vem à tona. Mas Paige está em fuga, e a última coisa que deseja é ficar muito tempo no mesmo lugar. Mesmo que seja um local cheio de pessoas bondosas dispostas a ajudá-la, com um quarto para se alojar, uma oportunidade de trabalho e um homem gentil que parece ser capaz de protegê-la de qualquer coisa…

Relacionados

Destaques

Insta
gram

Parceiros