Desejo à Meia-Noite, da autora Lisa Kleypas, é o primeiro volume da série “Os Hathaways” publicado em 2013 pela editora Arqueiro.

Sobre o Livro

Amelia Hathaway, após a morte de seus pais e de sofrer uma decepção amorosa, decidiu que ao invés de casar-se, se dedicaria totalmente a cuidar de seus irmãos. Entretanto, seu irmão Léo tem tornado tal tarefa difícil, visto que ele está gastando o dinheiro da família, o qual não é muito, com vícios e mulheres.

Em uma noite que Amelia sai em busca de seu irmão, ela se encontra com Cam Rohan, um homem cigano e também irlandês que não consegue se acostumar com a vida na sociedade londrina. A atração entre eles é imediata, mas dada as circunstâncias desse encontro, eles não irão voltar a se ver, o que é um alivio para ambos.

Entretanto, ao se mudar para propriedade recém-herdada em Hampshire, Amelia reencontra Cam. Além disso, ela encontra muitos problemas desde a mudança, e ele insistem em ajuda-la com eles. Agora, Amelia precisa lidar com seus sentimentos junto com seu orgulho.

– Deus proteja quem ficar no seu caminho. Você gosta de cuidar da vida das pessoas, não é?
– Apenas quando é óbvio que posso fazer isso melhor do que elas.

Minha Opinião

O início do livro foi um pouco difícil de fluir. Eu estava gostando da história, entretanto não conseguia me prender a ela, lia apenas poucas páginas. Contudo, logo começou a fluir melhor, não sendo uma leitura que me deixou completamente presa, desesperada pelas próximas páginas, mas que se mostrava gostosa de acompanhar, o que não é um problema para mim

Achei os personagens que formam o casal muito maduros, pelo menos na maior parte das vezes, e apreciei muito a convicção de ambos sendo Amelia muito ligada a família, determinada a dedicar-se a ela e se recusando a casar por isso e também pela decepção amorosa que sofreu no passado e Cam ligado a suas crenças e culturas de não se apegar a dinheiro e em bens materiais.

Algo que também gostei muito no casal foi que apesar de não desejarem casar-se, não negavam a atração e o desejo que tinham um pelo outro e se entregavam a ele.

Houve alguns poucos aspectos em Cam que me desagradaram, contudo são pequenos e podem até se tratar de más escolhas de palavras pela autora. Já Amelia é encantadora e apesar de sua convicção, que pode ser também orgulho, não se mostrou irritante para mim, como poderia acontecer. E sua família não fica atrás, principalmente pelas mulheres, as quais achei divertidas, sinceras, únicas.

Fiquei com muita vontade de conhecer mais das irmãs, as quais serão protagonistas dos próximos livros, e nesse primeiro volume a autora começa a apresentar um pouco da paixão de um personagem por uma delas, assim desde já começa o desenvolvimento de algo que acredito ser relevante no próximo livro, o que me fez ter vontade de conhecer um pouco mais dessa relação.

Nunca tenha medo de ter esperanças – disse Rohan com delicadeza. – É a única forma de começar.

Lisa Kleypas, além de criar um casal fora dos padrões do gênero, sem personagens com títulos, aborda os preconceitos da sociedade da época em relação ao fato de Cam ser cigano, com pessoas que não aprovam o relacionamento deles por isso, sendo que ela poderia ser “mal vista” pela sociedade e com pessoas que se sentem superior a ele.

Desejo à Meia-Noite foi um livro divertido de acompanhar e com personagens que me encantaram e assim quero muito dar continuidade a série. Não sou uma pessoa muito experiente em romance de época, mas acredito que pode agradar as pessoas que curtem esse gênero, principalmente por sair do padrão.

DESEJO À MEIA-NOITE

Autor: Lisa Kleypas

Tradução: Livia de Almeida

Editora: Arqueiro

Ano de publicação: 2013

Após sofrer uma decepção amorosa, Amelia Hathaway perdeu as esperanças de se casar. Desde a morte dos pais, ela se dedica exclusivamente a cuidar dos quatro irmãos uma tarefa nada fácil, sobretudo porque Leo, o mais velho, anda desperdiçando dinheiro com mulheres, jogos e bebida. Certa noite, quando sai em busca de Leo pelos redutos boêmios de Londres, Amelia conhece Cam Rohan. Meio cigano, meio irlandês, Rohan é um homem difícil de se definir e, embora tenha ficado muito rico, nunca se acostumou com a vida na sociedade londrina. Apesar de não conseguirem esconder a imediata atração que sentem, Rohan e Amelia ficam aliviados com a perspectiva de nunca mais se encontrarem. Mas parece que o destino já traçou outros planos. Quando se muda com a família para a propriedade recém-herdada em Hampshire, Amelia acredita que esse pode ser o início de uma vida melhor para os Hathaways. Mas não faz ideia de quantas dificuldades estão a sua espera. E a maior delas é o reencontro com o sedutor Rohan, que parece determinado a ajudá-la a resolver seus problemas. Agora a independente Amelia se verá dividida entre o orgulho e seus sentimentos. Será que Rohan, um cigano que preza sua liberdade acima de tudo, estará disposto a abrir mão de suas raízes e se curvar à maior instituição de todos os tempos: o casamento?

Relacionados

Destaques

Insta
gram

Parceiros