Existem poucas pessoas vivas nesse mundo que não tenham assistido algum filme de super heróis nos últimos anos. A Marvel principalmente, fez um trabalho extenso de anos de planejamento com seus filmes. Ninguém sabe direito o que vem a seguir na plataforma cinematográfica, mas o jogo Marvel Avengers, desenvolvido pela Square Enix, está quase chegando e uma versão beta foi liberada para ser jogada. Eu joguei e vim aqui dizer o que eu achei do jogo até agora.

Como sempre, uma cidade está sendo atacada e cabe aos Vingadores defende-la. É isso que mostra o tutorial do jogo, onde se aprende os comandos básicos de cada personagem e como se movimentar pelo cenário. Personagens clássicos como Hulk, Homem de Ferro, Thor e Viúva Negra são jogáveis e têm seus próprios golpes especiais, sendo cada um deles capaz de fazer algo diferente. Por exemplo, o Hulk não pode voar, mas seus ataques são mais fortes que os do Homem de Ferro.

Após o tutorial, onde os herois tentam impedir uma catástrofe e não conseguem, se descobre que os Vingadores não existem mais, Tony Stark declarou falência e ninguém sabe onde ele está. É então que Kamala Khan, uma das pessoas que estava presente quando tudo aconteceu e, assim como muitos, recebeu poderes por conta da radiação do lugar, se junta à Bruce Banner para recuperar o disco rígido do JARVIS, na esperança de encontrar o Homem de Ferro.

A jogabilidade em si foi bem tranquila. Não costumo jogar em consoles como PS4, e foi exatamente nessa plataforma em que joguei o beta. A movimentação e interação são fáceis e o jogo é bem explicativo no tutorial, mas se você não costuma jogar com frequência, pode acabar se perdendo um pouco no cenário e para onde deve ir para começar a próxima missão.

Avengers segue os mesmos moldes de God of War, com muitos minions para enfrentar e ocasionais chefes de fase. Porém, nesse jogo, senti que os inimigos eram demais. Os minions costumam vir em ondas de ataque, e para qualquer tarefa mínima que você faz, tem que enfrentar muitas ondas de combate para enfim realizar sua missão. Isso acabou deixando o jogo muito repetitivo na minha opinião e me fez não querer terminar nem a versão beta.

Os gráficos estão muito bons. Ainda sinto estranheza vendo os personagens com rostos diferentes daqueles com os quais me acostumei nos filmes, mas ainda assim estão bem caracterizados.

Outro problema pra mim foi a dublagem. Em diversos momentos a entonação na voz dos dubladores não combinam com o que está acontecendo na tela. Por exemplo, em uma cena de luta um personagem falar com indiferença. Eu entendo que são frases prontas que são entregues aos dubladores para que as leiam de todos os jeitos possíveis, mas senti que faltou organização em determinados momentos. Além disso, muitas falas simplesmente não foram traduzidas, e os nomes de alguns personagens aparecem tanto em português quanto em inglês. Faltou uma uniformidade na tradução.

A história me intrigou muito, além de o vilão ser muito interessante, ao ponto de me fazer temer pelos personagens, somos apresentados à Kamala Khan, a Miss Marvel. Infelizmente, o jogo teve tantos pequenos pontos negativos que me fez perder toda a vontade de seguir jogando. Acabei sentindo saudade dos filmes, inclusive.

Entretanto, como essa é apenas a versão beta, tudo pode melhorar muito e ainda existe a possibilidade de eu dar mais uma chance. A história me interessou muito e estou ansiosa para saber o desenrolar de tudo e conhecer mais personagens novos.

O beta estava disponível gratuitamente para consoles e o jogo completo de Marvel Avengers foi lançado no final de 2020.

Você também é um fã da Marvel? Pretende jogar o jogo ou já teve a oportunidade de jogar?

Relacionados

Destaques

Insta
gram

Parceiros