I Am Not Okay With This é uma série americana dirigida por Jonathan Entwistle, o mesmo diretor de The End of The F * * * ing World, ambas do mesmo gênero, comédia dramática, e voltadas para o mesmo público.

Sydney (Sophia Lillis) ainda sofre com a morte do pai, e como se isso não fosse suficiente, não é a adolescente mais “enturmada” da sua escola. Para piorar — ou não—, ela percebe que talvez não seja uma garota comum quando coisas estranhas começam a acontecer ao que seus sentimentos saem do controle.

Por sorte, ela terá a companhia de seu vizinho Stanley Barber (Wyatt Oleff) e sua melhor amiga, Dina (Sofia Bryant). Mas como nem tudo sem flores, Sydney precisará enfrentar Brad (Richard Ellis), um adolescente em busca de vingança que está disposto a fazer de sua vida um inferno — mais do que já é —.


A primeira cena de I Am Not Okay With This é uma grande referência a Carrie – A Estranha, de Stephen King, e para quem é fã do mestre, a série já começa bem por aí. Mas para todos, apesar de gostar ou não da obra referenciada, é impossível não ficar intrigado já que há uma garota coberta de sangue sem nenhuma explicação, e o telespectador ficará sem por um bom tempo, o que já da abertura para teorizar desde o primeiro episódio.

Para quem assistiu a nova adaptação de IT – A Coisa é difícil não associar Sophia Lillis e Waytt Oleff com Beverly Marsh e Stanley Uris respectivamente, ainda mais quando o segundo interpreta em ambas obras personagens com o mesmo nome.

Porém a atuação dos jovens é tão boa que associação termina logo que se inicia o primeiro episódio. Os protagonistas de I Am Not Okay With This tem uma personalidade totalmente diferentes dos de It – A coisa, e os atores conseguem dar vida aos seus personagens tão bem, com uma atuação impecável, que até esquecemos se tratar dos mesmos rostos.

Apesar de todo o drama na vida da protagonista com tudo que ela está passando, a trama consegue ser divertida. Além de piadas e personagens engraçados a trilha sonora tem grande papel no humor da série. As músicas brincam com os acontecimentos, dando uma pegada cômica aos mesmos.

Também vale ressaltar que os episódios são curtos (em média 25 minutos) e passam muito rápido, dessa forma a série se torna gostosa de assistir, sendo fácil maratonar e ser finalizada em uma tarde.

Apesar do mistério do primeiro episódio ser revelado no final da série, o mesmo abre brecha para uma nova temporada já que nem todas as respostas são dadas aos espectador e a cena final deixa ainda mais questões, fazendo com quem está assistindo fique ansiado por mais episódios.

Independente de ser uma produção voltada para um publico mais jovem, ela pode agradar pessoas de várias idades por conta de envolver vários aspectos diferentes como mistério, comédia, adolescentes e superpoderes.

I AM NOT OKAY WITH THIS

Diretor: Jonathan Entwistle & Christy Hall

Elenco: Sophia Lillis, Wyatt Oleff, Sofia Bryant, Richard Ellis.

Ano de lançamento: 2020

Sydney (Sophia Lillis) é uma adolescente que enfrenta turbulências típicas dessa fase da vida, como problemas de relacionamento com a família, o dia-a-dia no ensino médio e sua sexualidade em desenvolvimento. Tudo seria mais fácil se uma série de superpoderes misteriosos também não estivessem despertando dentro dela.

Relacionados

Destaques

Insta
gram

Parceiros